Boliviana constrói 300 casas com garrafas PETs.

Quando a advogada e administradora de empresas Ingrid Vaca Diez notou que muitas pessoas em sua cidade, Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia, viviam em condições precárias de habitação, ela decidiu arregaçar as mangas e fazer algo para ajudar a sua comunidade a ter uma vida melhor. Sempre envolvida com trabalhos voluntários, ela usou suas habilidades de artesanato para construir casas feitas de garrafa PET destinadas às famílias em situação de extrema pobreza.


A iniciativa, batizada de ‘Casas de Botellas’ (Casas de Garrafas), começou em 2000 e já ergueu mais de 300 moradias para pessoas carentes - não só na Bolívia, como em mais quatro países latino-americanos: Uruguai, Panamá, México e Argentina. Depois de prontas, as casas recebem materiais de acabamento e os móveis, que são doados por empresas e instituições de apoio.

No início, sem qualquer experiência prévia em arquitetura ou design, ela teve que estudar muito para descobrir a fórmula ideal e construir as casas: garrafas plásticas recicladas, além de areia, cal, glicose, cola, sedimentos e resíduos orgânicos.

Ingrid garante que é possível fazer as casas em 20 dias, com o auxílio de outros dez voluntários, incluindo os futuros moradores. Quando fala sobre o trabalho que faz, a advogada conta que sua satisfação é ver as pessoas felizes com um lugar digno para viver: 'meu orgulho é ver que mudei a vida e desenhei um sorriso no rosto das pessoas desfavorecidas', diz.

FONTE: MSN

Ele é Blogueiro, Designer gráfico e Palestrante... Auditório, ele é bom ou não é?!?!?

COMPARTILHAR

POSTAGENS RELACIONADAS

Próxima
« Voltar
Anterior
Próxima »
A reprodução do conteúdo deste blog é permitida e incentivada, desde que citada e linkada a sua fonte.
Todas as postagens aqui são linkadas.